segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Superliga: Vivo Supera Canoas em jogo dispultado

O Vivo/Minas (MG) alcançou a segunda vitória na Superliga masculina 12/13. Neste domingo (02.12), o time mineiro superou, de virada, o Canoas (RS) por 3 sets a 1, parciais de 23-25, 25-20, 25-23 e 25-22, em 2h12 de jogo, na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG).

A equipe mineira tentará mais uma vitória na próxima terça-feira(04.12) contra o Funvic/Midia Fone (SP), no ginásio Juca Moreira, em Pindamonhangaba (SP). Já o Canoas (RS) só voltará à quadra na quinta-feira (06.12) para enfrentar a Medley/Campinas (SP), às 20h, no ginásio Unisalle, em Canoas (SP).

O levantador Marcelinho, em tarde inspirada, foi o destaque da partida. Com uma eficiente distribuição, o jogador foi eleito o melhor da partida e ficou com o troféu VivaVôlei. Seu companheiro de equipe, o ponteiro Lucarelli, foi o maior pontuador, com 19 acertos.

“Sabíamos que esse era um jogo chave, duro e muito importante, Canoas é um time novo, de qualidade, e tem o Gustavo, que é um líder. Viemos preparados para jogar cinco sets, eles criaram dificuldades, esperávamos por isso, e é um adversário direto nosso na classificação. Perdemos o primeiro set, mas conseguimos nos recuperar, manter a tranquilidade e crescemos ao longo do jogo. A concentração foi fundamental, o foco foi fundamental, tivemos paciência, calma, às vezes na gritaria, e conseguimos os três pontos em casa, que era o objetivo”, explicou Marcelinho.

Vivo/Minas supera o Canoas e vence a segunda partida                                               Vivo suou pra bater aguerrido Canoas 

O jogo

O Vivo/Minas começou melhor e abriu três (8/5). Com um ace do central Henrique, o time mineiro foi para o segundo tempo técnico, com três de vantagem (16/13). O ponteiro Dentinho conseguiu uma boa sequência de saques e o Canoas empatou (22/22). O time visitante cresceu, virou o placar, e fechou o set com 25/23.

O Canoas seguiu melhor no início do segundo set e abriu três (6/3). O saque e o bloqueio do Vivo/Minas voltou a funcionar e o time da casa empatou e abriu dois (14/12). O central Henrique conseguiu mais um ace e a diferença subiu para seis (22/16). O Vivo/Minas segurou a vantagem e fechou o set por 25/20.

A vitória no segundo set fez bem ao Vivo/Minas que foi para o primeiro tempo técnico, com quatro de vantagem (8/4). O Canoas equilibrou o jogo e o set ficou disputado ponto a ponto. O time da casa foi melhor nos momentos decisivos e fechou o terceiro set por 25/23.

O levantador Marcelinho distribuía bem o jogo e o central Otávio se destacava. E foi em um ataque de Otávio que o Vivo/Minas fez 12/7. O volume de jogo do Canoas cresceu e a diferença caiu para um (20/19). O Vivo/Minas voltou a ser melhor na parte final do set e fechou a parcial por 25/22 e o jogo por 3 sets a 1.

Canoas: 
Jotinha, Bergamo, Dentinho, Minuzzi, Gustavo, Rafael e Jeffe (Líbero). Entraram: Boskinho, Rapha, Salsa, Xanxá e Enoch. Técnico: Paulão.

Vivo/Minas: 
Marcelinho, Thiago, Lucarelli, Lucas Loh, Henrique, Otávio e Lukinha (Líbero). Entraram: Evandro e Samuel. Técnico: Horácio Dileo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário