sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Superliga: Sada Cruzeiro cai diante da Medley em MG


Montada nesta temporada para sair do pelotão do meio e figurar entre os protagonistas da Superliga masculina de vôlei, a Medley/Campinas aprontou mais uma. Nesta quinta-feira (10), na volta da competição, os meninos de Marcos Pacheco não se importaram com a torcida, nem com o status de favorito do Sada Cruzeiro, e saíram de Contagem com 3 sets a 0 (25/23, 25/22 e 25/21), contabilizando a sexta vitória seguida.

Este resultado levou a Medley para os 20 pontos, o que a deixou na quarta colocação. Já o Sada permaneceu com os mesmos 21 que tinha no começo da rodada, ficando em segundo lugar. Assim, os celestes tentam a recuperação já no sábado (12), quando recebem o sempre complicado Vôlei Futuro. Já a Medley fica em Minas Gerais para tentar fazer nova vítima. Desta vez, o foco é o Vivo/Minas. 

Medley vai bem no ataque e leva 1º setOs cruzeirenses começaram melhor, e dominaram o placar até a primeira parada obrigatória (8/5). Mas a Medley não se escondeu, aproveitou as chances dadas pelos rivais e deixou o jogo parelho. Após três pontos seguidos dos campineiros, que passaram à frente (9/11), Marcelo Mendez parou a disputa.

A pausa deu certo, e o time de Marcos Pacheco passou a errar mais, o que permitiu aos celestes empatarem em 12. A partir disso, os dois times trocaram pontos, sempre com a Medley com ligeira vantagem de um tento. Foi depois de um bom contra-ataque, iniciado com saque potente, que os visitantes abriram 24 a 22. Assim, bastou confirmarem os pontos para fechar a primeira parcial em 25 a 23. 

Sada não evolui e Medley abre 2 a 0O segundo set começou com os campineiros mais desatentos e cometendo mais erros do que o normal. O Sada aproveitou, abrindo diferença, que chegou a estar em 9 a 6. Como já havia mostrado que não é time de desistir, a Medley melhorou na defesa e contra-ataque para deixar o jogo complicado. Após virar para 9 a 11, a equipe paulista obrigou o treinador celeste a pedir tempo. 

E a bronca de Marcelo Mendez surtiu efeito, pois, na volta, o time conseguiu o empate em 13. O equilíbrio não deixou o duelo, e ambos colecionaram altos e baixos. Depois de ter dois tentos de vantagem (15/17), a Medley permitiu que os donos da casa, mais uma vez empatassem, devido a erro de ataque de Renato. Mas Acácio também errou, entregando o 19º ponto aos oponentes, e foi substituído por Rogério. 

A postura do Sada mudou, passando a ser mais equilibrada entre defesa e contra-ataque, o que surtiu efeito no placar (20/20). Mas depois de erros de Wallace e Leal, os campineiros caminharam rumo à vitória, e confirmaram o placar de 25 a 22, ficando mais perto do triunfo fora de casa.  

Mesmo com mudanças, Sada não segura, e Medley confirma triunfoInsatisfeito com o que viu até o momento, Marcelo Mendez mudou bastante o time para o terceiro set. Acácio ficou fora, assim como Leal e Wallace, que cederam lugar para Maurício e Sanchez. Porém, logo no início da disputa, o cubano errou um saque e, rapidamente, o treinador chamou de volta o oposto titular. 

Quem não se importou com este troca-troca foi a Medley. Esperta, a equipe de Campinas aproveitou o mau momento dos donos da casa e manteve uma boa diferença (8/4). Na volta da parada técnica, William ficou no banco, cedendo lugar para o levantador reserva, Daniel.  

Aos poucos, o Sada mudou de postura. Após um bloqueio em cima de Rivaldo e um erro de recepção dos rivais, os mineiros encostaram em 10 a 11, obrigando Pacheco a parar o embate. Mas de nada adiantou, pois, na volta, mais dois bloqueios seguidos da Raposa, que virou para 12 a 11. 

A emoção, então, tomou conta da disputa, e as duas equipes seguiram trocando bolas. Wallace atacou para fora, cedendo o 16º tento aos campineiros, que foram para o segundo tempo obrigatório com vantagem mínima. A diferença passou para dois, quando Rodriguinho conseguiu bloquear um ataque dos oponentes (18/20). 

Sem vacilar nos contra-ataques e aproveitando os erros do Sada, os paulistas se distanciaram ainda mais no final do set, botando pressão para cima dos donos da casa (19/23). E foi após um erro de saque de Filipe que a Medley fechou em 25 a 21 e finalizou o jogo em 3 a 0. 

Fonte: Saque Viagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário