sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Superliga: Vivo mostra força e supera S. Imperatriz de virada


“Estamos muito chateados por mais uma vez termos chegado tão perto da vitória”. Não foi só o ponteiro Thiagão que ficou insatisfeito com o resultado diante do Vivo/Minas, nessa quinta-feira (17), em Florianópolis (SC). Para o Super Imperatriz Vôlei, também foi difícil engolir a virada, após abrir 2 a 0 na primeira rodada do returno da Superliga masculina.

Virada que custou o lugar no G-8 e a quarta vitória na competição. Por 3 sets a 2, parciais de 16/25, 24/26, 25/20, 25/20 e 15/8, os minastenistas acumularam mais dois pontos e foram a 20, confirmando a sexta posição. Os catarinenses foram a 11 e encostaram no Volta Redonda, em nono.
 
“Foi o 3 a 2 mais doido. Jogamos muito bem os dois primeiros sets e até metade do terceiro. A virada deles não teve mudanças táticas relevantes, a não ser o saque flutuante que complicou a nossa recepção e, consequentemente, a virada de bola. Tentei dar um fôlego com as substituições, mas não conseguimos voltar para o jogo”, lamentou o técnico Douglas Chiarotti.

O principal finalizador do encontro foi o ponteiro Lucarelli, do Vivo, com 24 acertos. Pelo Super Imperatriz, Thiagão descontou com 20. Na parte coletiva, os visitantes se mostraram mais equilibrados e erraram menos. Já os donos da casa tiveram mais fôlego no saque, fundamento em que acumularam dez aces.
 
E o Vivo segue no Sul para a segunda rodada do returno. No sábado (19), às 14 horas (de Brasília), é a hora de visitar o Móveis Kappesberg/Canoas. O Super Imperatriz, por sua vez, volta a se apresentar no Capoeirão. E o desafio é com o vice-líder Sada Cruzeiro, também no sábado, mas às 20h30. 

Fonte: Saque Viagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário