sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Superliga Feminina: Praia conta com reabilitação de atletas para bater o rival Campinas

Após o fim de semana de folga, as jogadoras do Praia Clube retornaram aos treinamentos nesta segunda-feira. Longe da folia do carnaval, o grupo realizou uma atividade na academia e depois foi à quadra para trabalhos técnicos específicos de defesa.
–  A folia delas é aqui dentro da quadra. O elenco teve dois dias de descanso, o que foi muito bom, pois a maratona de jogos estava sendo intensa. Uma semana inteira só de treinamentos nessa reta final de primeira fase foi muito importante para podermos ajustar algumas coisas e aumentar a carga – disse o preparador físico da equipe, Eduardo Rodrigues.

Praia Clube  (Foto: Diego Alves/GLOBOESPORTE.COM)Spencer comandou treino no G2 do clube com time quase completo. De fora, apenas Herrera
(Foto: Diego Alves/GLOBOESPORTE.COM)

E as notícias neste início de semana são boas. Segundo o preparador físico, a capitã e levantadora Camila Torquette, recuperada da lesão no menisco do joelho direito e retornou aos treinos há duas semanas, e a ponteira Sara, afastada por causa de uma entorse no tornozelo  direito, já estão à disposição do técnico Spencer Lee.
– A Sara já está 100% recuperada fisicamente e está realizando os treinos sem qualquer problema. Ela precisa agora é retomar o ritmo de jogo, mas está em condições de ser relacionada. A Camila também está liberada. Na verdade ela até viajou com o grupo no último jogo, em Belo Horizonte, mas não foi relacionada. Como está treinando há mais tempo, pode jogar tranquilamente – afirmou Eduardo.
A capitã do time não vê a hora de poder ajudar as companheiras em quadra. Presente nas arquibancadas do ginásio G2 em todos os jogos, Camila Torquette revela ansiedade para voltar.
Camila Torquette (Foto: Diego Alves/GLOBOESPORTE.COM) 
A capitã Camila Torquette está de volta ao Praia
(Foto: Diego Alves/GLOBOESPORTE.COM)
– Estou recuperada e tenho treinado em ritmo forte, para poder voltar bem. Foi muito ruim ficar esse tempo de fora. Nós começamos a preparação cinco meses antes da competição e, infelizmente, acabei sofrendo essa lesão logo no começo. Estou muito ansiosa para voltar e contribuir com a equipe dentro de quadra – destacou.
O técnico Spencer Lee comemorou o fato de poder contar com quase todas as jogadoras do elenco. A única exceção é Herrera. Com 14 jogadoras em condições de jogo, o técnico espera alcançar o objetivo traçado no início da Superliga.
– Já vivemos momentos piores, né? A nossa equipe sofreu muito com lesões durante a competição. Chegamos a ficar sem a Camila Torquette, a Sara e a Mayhara, além da Herrera que vai nos desfalcar por mais algum tempo. Com esse leque de opções agora, a gente espera terminar essa fase classificatória entre os quatro primeiros, conforme planejamos lá no começo. O objetivo é esse – finalizou Spencer.
O Praia Clube é o quarto colocado da Superliga, com 32 pontos. Na sexta-feira a equipe recebe o Campinas, que tem um ponto a mais e está em terceiro lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário