quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Superliga:Craques que saem do banco de reservas reforçam time Carioca

Um dos grandes motivos para a Unilever estar na liderança da Superliga feminina de vôlei é a força do banco de reservas. Com a lesão de Logan Tom, por exemplo, Gabi e Régis vêm tendo oportunidade de se destacar em quadra e manter o nível da equipe.

"A Logan é uma peça muito importante para a gente, mas tanto eu quanto a Gabi já vínhamos entrando antes de ela se machucar. Estamos treinando muito bem e prontas para ajudar a equipe. Temos que estar no banco de olho para entrar e fazer o melhor", disse Régis.

                                                                                          Daniel Ramalho/adorofoto

Gabi é uma das que vem se destacando 

Gabi, por sua vez, destaca a importância de estar perto, treinando e convivendo com uma atleta do gabarito de Tom. "Todos sabem que a Logan é uma jogadora completa, e o convívio com ela vem me proporcionando um amadurecimento muito grande. Com a sua ausência nos jogos, estou procurando me aperfeiçoar ainda mais no passe", contou a ponteira.

Quem também aproveita para ter aulas com veteranas é a meio de rede Luciane Escouto. A musa da equipe chegou faz pouco tempo, mas já percebeu em quem tem que se inspirar para crescer cada vez mais. “A Valeskinha e a Jucy pegam no meu pé, corrigem o movimento, dão dicas. São experientes e carinhosas ao mesmo tempo", disse.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário