sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Vôlei Internacional: Briga entre Jaline e Soverato vira caso de polícia na Itália

Soverato e Jaline devem mesmo se encontrar nos tribunais da Itália.
O clube denunciou a jogadora por quebra de contrato e uso indevido de imagem.
O caso foi parar na polícia de Catanzaro. A Federação Italiana também foi notificada pelo Soverato.
Em janeiro, Jaline acusou o Soverato de maus tratos e preconceito.
Segundo a jogadora, ela estava sendo ameaçada pelo presidente, Antonio Matoso. O mandatário exigia 30 pontos por jogo e chamava Jaline de ‘chocolate’.
Jaline resolver acionar juridicamente o clube assim que soube que Matoso havia pedido sua extradição.
Dias depois, o presidente, Antonio Matozzo, se defendeu das acusações e desmentiu a jogadora.
Matoso disse jamais ter ameaçado ou maltratado a jogadora. Afirmou ainda que Jaline teve tudo que pediu e que inclusive morava em um apartamento pago pelo clube.
Jaline possui ‘permesso di soggiorno’ (autorização de residência) e está acompanhando o caso na Itália.

Fonte: BlogBrunoVoloch

Nenhum comentário:

Postar um comentário