terça-feira, 26 de março de 2013

Outros: Jogadores fazem campanha por melhora da superliga.


  William, levantador do Sada Cruzeiro
O vôlei não pode perder uma cidade apaixonada pelo vôlei, como Campinas, e um patrocinador de peso como a Medley. A CBV tem que fazer algo. Os maiores prejudicados sempre somos nós, atletas! Precisamos unir forças pra que episódios como esse não aconteçam mais. O vôlei é o segundo esporte no Brasil! Pessoas se envolvem e se apaixonam pelo espetáculo! Um país que irá ser palco de Olimpíada passando por isso? Um esporte que enche os ginásios com famílias e crianças, que sonham um dia ser atletas de vôlei! Estão acabando com esses sonhos. Posso até ser mal interpretado, mas precisamos de um apoio maior da mídia esportiva. Enquanto o futebol morder essa fatia imensa do bolo... Só assim clubes conseguiriam se manter sem depender tanto dos patrocinadores masters, e saberiam quanto de verba teriam pra iniciar o campeonato. Digo tudo isso estando em um clube sério, onde se investe em categoria de base, com mais de 700 crianças, com responsabilidade social, muito comprometimento, muita gente envolvida, que dependem de uma boa estrutura, não é à toa que os resultados aparecem. Trabalho muito sério.

Gustavo, central do Móveis Kappesberg/Canoas
E a Medley deixando de patrocinar Campinas. Sem palavras. Um patrocinador como esse, numa cidade apaixonada por vôlei. #MudançaJá Precisamos mudar os conceitos de como manter esses patrocinadores. A Superliga precisa ser mais atrativa, não dá mais pra manter esse formato. E principalmente não dá mais pra ir adiante com esse calendário. Se a Superliga não for bem mais longa, não teremos mais times. #Inconformado Se esse não é o momento pros poucos clubes que ainda restam, quando será?? É hora de deixar de lado velhas rixas e se unir pelo campeonato!! Só pra esclarecer que não é revolta, mas sim uma preocupação com a atual situação de nossos clubes. Todo patrocinador tem o direito de sair quando quiser. O que está nos deixando preocupados é que muitos saíram. Quero dizer que precisamos tornar a Superliga mais atrativa para aqueles que vierem, pois sabemos que essas empresas investem para ter um retorno, de venda, de marketing, exposição, etc.

Salsa, central do Móveis Kappesberg/Canoas
Ao invés do patrocinador se pronunciar, penso que a CBV deveria fazê-lo. Alguma coisa de errado tem, não é possível "perdermos" uma equipe e termos umas 4 que estão com o mesmo problema.O que está faltando? Ou o que é necessário??

Nalbert, comentarista
Precisamos fazer com que os times tenham patrocínio e não que patrocínios formem times! A mentalidade precisa mudar.Todos saem perdendo!!

Brasília, levantador do Sarmiento-ARG
O que dizer sobre o fim do patrocínio da Medley com o time de Campinas? Lamentável. Esperar ajuda da Cbv seria ingenuidade... #MudançaJá

Bruninho, levantador do RJX
Triste por saber que mais um patrocinador saiu do voleibol. Temos que fazer algo para melhorar e criar uma fidelidade com os patrocinadores. O Brasil é líder no ranking da FIVB há 10 anos e os clubes acabam todo ano. Segundo esporte do brasileiro na atualidade e jogadores ficando desempregados. Precisamos buscar uma evolução para isso. #porumaSuperligamelhor

Douglas Cordeiro, central do Sada Cruzeiro
A identificação e o comprometimento dos patrocinadores com um projeto é essencial para o sucesso do mesmo. Mas é preciso unir o útil ao agradável. Com o retorno de mídia que se tem hoje, torna-se insustentável a permanência de patrocinadores que dependem da exposição da sua imagem para manutenção dos recursos. #porumasuperligamelhor

Rodrigo Rivoli, levantador
Lamentável! Mais um patrocinador forte que deixa a Superliga. Daqui a pouco, a Superliga será um quadrangular. #porumasuperligamelhor

Gian, líbero
Triste notícia com o fim de mais uma equipe. Montes Claros e agora Campinas, duas cidades apaixonada pelo vôlei. De quem será a culpa? São Bernardo também não sabe se continua com o projeto, em que eu e vários jogadores foram formados. Muito triste isso para o esporte. O vôlei fez as 3 últimas finais dos Jogos Olímpicos, o próximo será no Brasil. Aí eu me pergunto: essa é a hora de fechar uma equipe? 
Fonte: saqueviagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário