sexta-feira, 26 de abril de 2013

Mercado Nacional: Cubano de peso no Sada/Cruzeiro?


O Sada/Cruzeiro não esperou muito para começar a montar o elenco para a disputa da temporada 2013/14. Vice-campeão da Superliga, a equipe vive a expectativa de jogar o Mundial de Clubes. De olho no título que lhe falta – ficou em segundo lugar na edição passada–, prepara um supertime.

O clube que terá direito a representar o país é o RJX ou o Minas, caso vençam o Campeonato Sul-Americano, em maio. No entanto, a sede do Mundial deste ano, entre 15 e 20 de outubro, é o Brasil, sendo que Belo Horizonte, que recebe o torneio continental, é favorita a abrigar a outra disputa. E o que se diz nos bastidores é que, nesse caso, o Cruzeiro receberá o convite da Federação Internacional de Vôlei (FIVB) para tentar, mais uma vez, ser o melhor do mundo.

Trabalhando forte para se reforçar, o time abriu espaço financeiro para grandes contratações. Dessa forma, não renovou com jogadores reservas que possuíam salários considerados altos. Dos quatro centrais, apenas Douglas Cordeiro segue no grupo. Os outros três, Acácio, Rogério e Rafael Martins estão fora dos planos.
Em contrapartida, o Cruzeiro acertou com o jovem central Isac, destaque do São Bernardo (SP). Além dele, aguarda a confirmação sobre a presença no Mundial para fechar com o central cubano Robertlandy Simón, eleito melhor jogador do mundo na posição na Liga Mundial de 2009.

Com essa grande contratação, se reforçaria exatamente no fundamento que é o ponto fraco da equipe, o bloqueio. O jogador já cumpriu o embargo de dois anos imposto pelo Ministério dos Esportes de Cuba para atletas de vôlei que se transferem para o exterior. Hoje ele joga pelo Copra Piacenza, da Itália.
Para ficar com Simón, o clube precisaria abrir espaço no elenco, pois, pelo regulamento da Superliga, cada equipe pode ter, no máximo, dois jogadores estrangeiros. Mas isso também está resolvido, com a saída do oposto cubano Sanchez. Os ponteiros Maurício e Túlio também estão de partida.

Além de Douglas Cordeiro, o líbero Serginho e o oposto Wallace têm as permanências praticamente asseguradas. Os ponteiros Filipe, o cubano Leal e o levantador William já renovaram o vínculo.

fonte: http://www.hojeemdia.com.br/esportes/especializado/cruzeiro-pode-jogar-mundial-e-prepara-um-supertime-1.116428

Nenhum comentário:

Postar um comentário