segunda-feira, 6 de maio de 2013

Mercado Nacional: Móveis Kappesberg/Canoas quer evitar saída de talentos gaúchos

 http://1.bp.blogspot.com/-lmwCFLWcV3c/UYbKm869k_I/AAAAAAAAfu4/A2AKHb60WLc/s1600/26f2b13baa87061b892ecee7bbf0967b_L.jpg


Desde que montou o projeto da Apav/Canoas (agora Móveis Kappesberg/Canoas), o técnico Paulão informou que a intenção não era apenas formar um time de alto rendimento, mas também de ser uma referência no Rio Grande do Sul para jovens talentos que acabam deixando o Estado. Com uma estrutura diferenciada, que contempla vários núcleos, podemos esperar bons nomes vindos das categorias de base do clube. 
- Canoas tem uma ótima estrutura e estou motivado e confiante, sendo que vou ajudar no que for necessário na equipe da Superliga. Nesse primeiro ano eu não sei nem se vai dar tempo da gente para montar uma equipe para disputar competições. Vamos fazer um processo de seleção e, a partir daí,começar um trabalho com esses atletas, visando o rendimento - declarou o técnico Carlão Mantovanelli, que estava nos últimos anos comandando a base do Santos. 
A vinda do treinador Carlão é considerada fundamental para a diretoria do Kappesberg/Canoas, que acredita no potencial do profissional para escolher bons jogadores. Com núcleos espalhados pelas cidades de Canoas, Porto Alegre, Carazinho, Caxias do Sul e Esteio, especula-se que alguns jogadores que atuem nas seleções brasileiras de base possam ingressar no projeto. 
Em relação a equipe profissional, o momento é de férias para comissão técnica e jogadores, porém a diretoria do clube gaúcho observa com atenção o mercado visando a temporada 2013/2014. O central Gustavo ainda não definiu se para ou não de jogar, mas se continuar a tendência é que permaneça na equipe. Os ponteiros Dentinho e Roberto Minuzzi também demonstraram interesse de continuar, assim como o líbero Jeffe e oposto Bergamo. Na questão contratações, como Jotinha foi para a Funvic/Taubaté, existe a possibilidade do levantador gaúcho Murilo Radke, ex-Medley/Campinas, voltar a atuar em casa.

fonte: EspaçodoVôlei

Nenhum comentário:

Postar um comentário