sábado, 13 de julho de 2013

Amistoso: Em segundo amistoso da Série Brasil começa atrás mais vira mantendo bom nível de jogo

Mais uma vez, a seleção brasileira fez a torcida de Maceió (AL) ficar ressabiada e precisar gritar mais do que o necessário para empurrar o time. Na noite desta sexta-feira (12), o time de Zé Roberto venceu a Holanda pela segunda vez, mas, novamente, teve um início sonolento.

Depois de um primeiro set complicado, o Brasil desabrochou e contou com a boa atuação de Gabi para fechar a partida contra as europeias em 3 sets a 1, com parciais de 23/25, 25/16, 25/21 e 25/15. Com 16 pontos, a ponteira ajudou o time a conquistar a 11ª vitória seguida do time na temporada. E neste domingo (14), a seleção vai em busca do 12º triunfo, no terceiro e último amistoso com as holandeses. O duelo está marcado para as 11 horas (de Brasília), em Natal (RN).

                                                                                                  Thiago Parmalat/CBV

Brasil fez a festa em Alagoas

O Brasil começou jogando com Dani Lins, Monique, Adenízia, Jucy, Fê Garay, Gabi e Camila Brait, que demoraram para entrar no jogo e viram as holandesas abrirem 8 a 5. Após a parada técnica, a seleção reagiu e encostou no marcador, que chegou a 11 a 10 para as visitantes.

Mas, os altos e baixos das meninas de Zé Roberto reapareceram, e elas novamente ficaram com uma desvantagem desconfortável de três pontos (21/19). Na reta final, Garay e companhia reagiram, levando preocupação à Holanda. Mas, no fim, quem se deu melhor foi o time europeu, que fechou em apertados 25 a 23.

A equipe brasileira acordou entre um set e outro. Assim, a segunda etapa começou equilibrada, com as duas seleções brigando ponto a ponto. Mas, depois do primeiro tempo obrigatório, os ataques de Gabi começaram a fazer efeito, e logo o Brasil tomou conta do jogo, se distanciando na ponta (14/10). A Holanda, por sua vez, não conseguiu segurar os bons saques e bloqueios das brasileiras, que venceram por 25 a 16.

                                                                                              Thiago Parmalat/CBV

Gabi foi um dos destaques do time amarelo

O terceiro set contou com um bom início do time da casa, que abriu 8 a 4. Mas na volta do tempo técnico, as holandesas mostraram que não estavam mortas e empataram em 10. O Brasil não se abalou e, com boa atuação de Jucy pelo meio, voltou a liderar o placar, que apontou 17 a 13, vantagem que ajudou a equipe a vencer por 25 a 21.

A volta por cima fez bem às brasileiras, que voltaram com tudo para dar números finais ao jogo. Na quarta etapa, o time verde-amarelo manteve o bom ritmo. Assim, logo as anfitriãs abriram três pontos (8/5). A partir disso, a Holanda não viu mais a cor da bola, enquanto o Brasil contou com uma boa sequência de Gabi no saque, que ajudou o time a deslanchar. A vantagem das meninas de Zé Roberto continuou, e a seleção canarinho fechou o jogo em 25 a 15

Nenhum comentário:

Postar um comentário