sexta-feira, 12 de julho de 2013

Vôlei Nacional: Volta Redonda se recusa a pagar salários atrasados e atletas emitem uma nota


No começo da noite desta sexta-feira (12/07), através da página do atleta Gustavo Endres, um dos representantes do grupo, emitiu um comunicado explicando a situação existente entre Volta Redonda e ex-jogadores, que cobram salários atrasados pelo clube. Na nota, o grupo explica a situação e exige que seja cumprido o regulamento: enquanto o time não quitar suas dividas, não poderá jogar a Superliga.

Veja a seguir o comunicado na integra:

Viemos por meio deste esclarecer a todos sobre as negociações entre atletas, Volta Redonda Volei e CBV. Conseguimos através do Sr. Renato D’Ávila, Superintendente da Superliga, uma reunião entre as partes acima citadas, realizada no dia 10/07/2013.

A equipe do Volta Redonda Vôlei, representada pelo seu Presidente, Rogério Loureiro, estava devendo em média 40% do salário aos atletas da temporada passada. O mesmo não quer pagar os atrasados, pois afirma que a dívida é da Prefeitura, que não repassou a verba acertada com o clube, devido à uma briga política entre as partes.

O contrato dos atletas foi assinado pelo Volta Redonda Vôlei e deve ser quitado pelo mesmo. Na reunião, o Sr. Rogério Loureiro pediu àqueles atletas presentes que entraram na justiça que se retirassem da sala, pois nem conversaria com os mesmos. Afirmou que pagaria apenas UM salário, alegando que este seria o último que está devendo aos que NÃO entraram na justiça.

O Sr. Renato, de mãos atadas e não querendo que mais uma equipe fique fora da Superliga, nem achando justo que os atletas não recebam o que esta em contrato, tentou encontrar uma melhor solução para todos, em vão.

O regulamento da Superliga diz: _ Conforme Regulamento da Superliga, artigo 11, para participar da competição a associação deverá "estar em dia com os compromissos financeiros assumidos com suas comissões técnicas, atletas, federação local, CBV, CSV e FIVB". Portanto, todo e qualquer clube que estiver em débito com quaisquer atletas não terá sua inscrição aceita pela CBV para a próxima temporada.

Esperamos que o regulamento seja cumprido, para que os atletas não sejam novamente prejudicados como na extinta equipe de Londrina, conforme artigo destacado acima!

Gratos pela atenção!

Grupo dos Atletas ‪#‎PorUmaSuperligaMelhor

Nenhum comentário:

Postar um comentário