domingo, 14 de julho de 2013

World League: Brasil vence no último jogo antes da Fase Final


Na última partida em casa e pela fase de classificação da Liga Mundial, o Brasil derrotou os Estados Unidos, na manhã deste DOMINGO (14.07), por 3 sets a 0 (25/21,26/24e 25/23), em 1h30 de jogo. No ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro, a equipe brasileira se despediu da torcida antes de viajar, ainda neste domingo, para Mar del Plata, na Argentina, onde disputará a Fase Final da competição, de 17 a 21 deste mês.

No primeiro jogo, na QUARTA-FEIRA (17.07), o time verde e amarelo estreará contra a Rússia e, na SEXTA-FEIRA (19.07) terá o Canadá como adversário. Viajam para a Argentina na busca pelo décimo titulo do Brasil os levantadores Bruno e William; os opostos Leandro Vissotto e Wallace; os centrais Lucão, Éder, Maurício Souza e Isac; os ponteiros Dante, Lucarelli, Thiago Alves, Maurício Borges e Lipe, e o líbero Mário Jr.

Já preocupado com os próximos confrontos, o técnico Bernardinho fez uma breve análise dos times com quem jogará nesta semana.

- Ainda não temos tantas informações sobre a Rússia porque nosso foco não estava na seleção deles até então. Mas, pelo que vi nos últimos jogos, o oposto russo não atuará. Eles têm levantadores bem experientes e jogam com muita potência no saque e consistência do bloqueio. Já o Canadá tem um oposto canhoto e tem o mérito de ter se classificado em um grupo equilibrado. É um time taticamente bem montado - opinou Bernardinho.

O treinador brasileiro ainda elogiou o desempenho da equipe brasileira na partida deste sábado.

- Foi um teste importante. Foi bom para experimentar jogadores como o Thiago Alves e Lipe, que foram muito bem hoje. Wallace jogou melhor do que ontem. Enfim, foi uma boa partida para rodar todo mundo e provar que temos um grupo forte, já que vamos precisar de mais de seis ou sete jogadores na Fase Final - destacou Bernardinho.

No último jogo da fase de classificação, o oposto Wallace saiu de quadra como maior pontuador do Brasil, com 14 acertos. Após o confronto, o atacante destacou a importância da obediência tática da equipe.

- Hoje fizemos um jogo bem melhor do que ontem. Eu, particularmente, joguei melhor, fiz o que foi pedido pelo Bernardo e deu certo - comentou Wallace. O norte-americano Clark foi o maior pontuador da partida, com 17 acertos.

O ponteiro Lipe também analisou a partida contra os Estados Unidos.

- O saque deles é muito pesado e acho que deixei a desejar no passe. Mas conseguimos jogar bem e soubemos compensar os erros. Para mim foi bom para pegar ritmo, já que não estava jogando com frequência - comentou Lipe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário