domingo, 11 de agosto de 2013

Sul-Americano: Brasil vence a Argentina e conquista 29º título da competição


O Brasil superou a rivalidade, derrotou a Argentina e manteve a hegemonia no Campeonato Sul-Americano adulto masculino de vôlei. Neste sábado (10.08), a equipe verde e amarela venceu por 3 sets a 2, de virada (19-25, 25-20, 25/19, 24/26 e 15/10), em 2h02 de jogo e conquistou o 29º título da competição que, neste ano, foi realizada no Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto, em Cabo Frio (RJ).

A seleção brasileira conquistou o título após vencer as seleções do Paraguai, Colômbia e Chile, todas por 3 sets a 0, e a Argentina na partida que garantiu o vencedor na Copa dos Campeões, em novembro deste ano, no Japão, e que deu aos times finalistas duas vagas no Campeonato Mundial de 2014, na Polônia.

O jogo teve emoção, bolas disputadas, equilíbrio e apoio da torcida, que lotou o ginásio. O maior pontuador do jogo foi o ponteiro argentino, Quiroga. Pelo lado do Brasil, o central Sidão foi responsável por uma alta pontuação, 17, e, ainda, por incendiar a partida, com grande entusiasmo. Sidão, que voltou à seleção brasileira após uma cirurgia na coluna, foi eleito um dos dois melhores centrais e, ainda, o melhor jogador do campeonato.

- É gratificante demais ser campeão com boa atuação. Passei por momento difíceis, por uma cirurgia, mas tive a ajuda de muitas pessoas para me recuperar. Mais um campeonato, mais um título e ser campeão é sempre muito importante. Tive pouco tempo de preparação, mas sempre procurei trabalhar bem e com tranquilidade. Posso botar minha cabeça no travesseiro feliz, com o sentimento de dever cumprido - Sidão.

Capitão do Brasil, o levantador Bruninho comemorou, também, o fato de ganhar ao lado da torcida.

- O pessoal esteve presente em todos os jogos e nos apoiou a todo instante. Isso foi importantíssimo na conquista do título - afirmou Bruno, eleito o melhor levantador do Sul-Americano.

O melhor líbero foi o brasileiro Mário Jr.

- Estou muito feliz. É o primeiro título dessa nova geração que está se renovando e isso é muito importante. Sabíamos que esse jogo seria o mais difícil e fizemos uma partida bastante dura - comentou Mário Jr.

O maior pontuador da partida, Quiroga, não se contentou com o segundo lugar, mas fez questão de elogiar o seu time.

- Não saio satisfeito da quadra, mas achei que a Argentina jogou muito bem e mostrou o nível em que está - destacou.

MELHORES DO CAMPEONATO
Levantador – Bruno (Brasil)
Oposto – Moreno (Colômbia)
Centrais – Sidão (Brasil) e Solé (Argentina)
Ponteiros – Lucarelli (Brasil) e Quiroga (Argentina)
Líbero – Mário Jr. (Brasil)
Melhor jogador do campeonato – Sidão (Brasil)

Colômbia vence o Paraguai
No primeiro joga da noite, a Colômbia venceu o Paraguai. Após um primeiro set equilibrado, quando levou um susto, a Colômbia dominou o restante do jogo e venceu por 3 sets a 0, com parciais 25/23, 25/13 e 25/15, em 1h09 de jogo. Apesar da derrota, o paraguaio Gaona foi o maior pontuador da partida, com 12 acertos. Pelo time colombiano, Piza marcou 11 vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário