segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Grand Prix: Depois de 100% de aproveitamento na fase final, seleção campeã desembarca em São Paulo


  A seleção NOVE vezes campeã do Grand Prix desembarca em São Paulo nessa terça-feira, às
 5:30h da manhã. Quem acha que elas terão descanso se engana. Após a chegada, elas darão uma coletiva de imprensa.

  O próximo compromisso da seleção é o sul-americano, que dá vaga ao Campeonato Mundial, o título que ainda falta a essa geração supercampeã. Nas últimas duas ocasiões, o Brasil chegou à final, mas perdeu para as russas.

  Analisando a campanha do Brasil na reta final, vemos alguns traços do time que foi ouro em Pequim: ninguém conseguia ganhar sequer um set. Nem a poderosa China, invicta e um pouco desfalcada para a "final" contra as brasileiras, conseguiu parar a equipe verde e amarela. É bom ver como a renovação foi saudável: as atletas mais experientes ganharam folga e, quando voltaram, voltaram mais motivadas, descansadas e recuperadas fisicamente. As mais novas, como a ponteira de 19 anos Gabi, souberam dar consistência dentro de quadra, sendo ela uma das maiores pontuadoras dos jogos. Outras jogadoras como as gêmeas mostraram trabalho duro e atenderam às expectativas do técnico.

O que se pode esperar de um ciclo olímpico? Muita mudança, seleções tradicionais como a Rússia crescendo, revelações se integrando aos seus respectivos times. Seleções como o Brasil, EUA, China e Itália talvez estejam um pouco à frente das demais, por causa de uma renovação que já vem acontecendo e, como vimos, jogadoras novas parecem se firmar como titulares.

As cenas dos próximos capítulos começam nos campeonatos continentais e, certamente, nos clubes, que participam de competições cada vez mais bem estruturadas, com alto nível de profissionalismo.

Um comentário: