quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Campeonato Carioca: RJX supera Voltaço e é tricampeão carioca

O RJX sofreu, mas conseguiu se sagrar tricampeão carioca de vôlei. Desde que foi criada, a equipe da capital fluminense não deu chances para os rivais e abocanhou todos os títulos estaduais disputados. Nesta terça-feira (8), no ginásio do Tijuca Tênis Clube, Bruninho e companhia mantiveram a hegemonia e derrotaram o Volta Redonda por 3 sets a 1, com parciais de 25/22, 21/25, 27/25 e 25/21.

RJX abre na frente
No começo do jogo, o RJX se mostrou bem no ataque, diferentemente do Voltaço, que, com um erro, permitiu que os donos da casa abrissem 4 a 1. Insatisfeito, Alessandro Fadul pediu tempo quando o placar apontou 5 a 1. Com evolução no saque, o Volta Redonda foi se encontrando em quadra e tirando a desvantagem no placar (11/8).

E foi após dois bloqueios sofridos que Marcelo Fronckowiak parou o jogo (14/12). A estratégia deu certo, e o RJX voltou a se impor, sem permitir que os visitantes confirmassem a volta por cima. Na reta final, porém, Ricardo fez estrago no saque e levou pressão aos anfitriões, que tiveram dificuldades para fechar em 25 a 22.

RJX sofre no passe, e Voltaço empata o jogo
O segundo set começou como o terminou o primeiro: equilibrado. Consistentes, as duas equipes se revezaram na liderança do marcador, que contou com o Volta Redonda mandando na primeira parada técnica (6/8). Bruninho e companhia até voltaram a liderar, mas por pouco tempo, pois seguiram sofrendo no passe (11 a 15).

Preocupado com a recepção, Fronckowiak promoveu a entrada de Thiago Alves. Sem se importar com as mudanças dos donos da casa, os Gigantes do Aço bloquearam Leandro Vissotto e fizeram 11 a 16. O ataque dos meninos de azul caiu de rendimento, e Rodrigão entrou no lugar de Maurício. Mas o Voltaço segurou firme a liderança e empatou o jogo (25/21).

Donos da casa vencem set apertado
O equilíbrio seguiu reinando na quadra do Tijuca, cujos torcedores viram o RJX largar a terceira parcial na frente. Os visitantes não se intimidaram e foram para cima, com poder no saque e na virada e bola. Mas a festa do Voltaço durou pouco, uma vez que Thiago Alves começou a brilhar e ajudar o time da casa a se distanciar (13/10).

Mas, com calma e eficiência no contra-ataque, o Volta Redonda empatou em 14, obrigando os adversários a irem para o banco. A partir disso, as duas equipes se revezaram na liderança. Bruno Canuto foi bem no saque e ajudou os meninos de amarelo a abrirem 24 a 22. Pressionada, a turma de Mário Jr. mostrou garra na defesa para virar novamente e fechar em apertados 27 a 25. 

RJX se sagra tricampeão carioca
Assim como a parcial anterior, o quarto set foi bem disputado. Com bons e maus momentos, as duas equipes se revezaram na liderança do placar e deixaram o torcedor presente no Tijuca angustiado. Se o ataque do RJX não desperdiçou as chances, o saque e o bloqueio da equipe de amarelo também apareceram.

Mas, a partir da primeira parada técnica, os donos da casa passaram a dominar as ações e não saíram mais da ponta. O Voltaço, por sua vez, começou mais erros e se recuperou. (18/16). A situação ficou melhor ainda quando Ualas cresceu no bloqueio e no ataque e ajudou a caminhada dos azuis rumo aos 25/21.

fonte: Saqueviagem.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário