quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Club World Championship: Cruzeiro mantém o favoritismo na segunda rodada


Jogando com menos nervosismo em sua segunda partida pelo grupo B do Mundial Masculino de Clubes, nesta quarta-feira (16.10), o Sada Cruzeiro derrotou o campeão africano, Sportif Sfaxien, da Tunísia por 3 sets a 0 (25/16, 25/17 e 25/15), em 1h15 de jogo no ginásio Divino Braga, em Betim (MG).
Apoiado por 3.228 torcedores, o time mineiro contou com as boas atuações do ponteiro Yoandy Leal e do oposto Wallace, que terminaram a partida empatados como os maiores pontuadores, marcando 11 vezes cada um. Além dos ataques da dupla, o bloqueio cruzeirense funcionou bem, ao todo oito pontos neste fundamento. Apesar da fragilidade do adversário, que deu muitos pontos em erros (24 no total), Leal acredita que o time ainda pode evoluir, principalmente no saque.

- Cada dia vamos melhorando. Amanhã o jogo será forte, para decidir o primeiro do grupo e se classificar bem. O nosso objetivo é chegar na final. Ontem nosso saque foi ruim, hoje melhoramos bastante, foi determinante para a nossa vitória, mas ainda dá para fazer melhor - completou o cubano.

O Sada Cruzeiro começou com William, Leal, Luis Diaz, Isac, Éder e Wallace. Líbero – Serginho. Entraram: PV, Vinhedo, Filipe, Douglas Cordeiro e Kadu.

Na terceira rodada, que acontece nesta quinta-feira (17.10), o Sada Cruzeiro enfrenta o Lokomotiv Novosibirsk, da Rússia, às 20h, e o Sportif Sfaxien enfrenta os dominicanos do La Romana às 17h. A partida inicial do dia será pelo grupo A do torneio, o encontro dos argentinos do UPCN com a equipe tetracampeã mundial, o Trentino Diatec, da Itália, às 14h. Todos os jogos acontecem no ginásio Divino Braga, em Betim (MG).

Time de Dante se recupera da derrota na estreia
O jogo que abriu o dia de competição foi entre as equipes asiáticas, ambas vindo de derrota na primeira rodada. De um lado, os iranianos do Kalleh, do outro, os japoneses do Panasonic Panthers, que tem como referência em quadra o ponteiro brasileiro Dante. O representante do Japão foi o vencedor da disputa, 3 sets a 1 (25/19, 24/26, 30/28 e 25/16), em 1h59. O oposto japonês Kunihiro Shimizu foi novamente o maior pontuador, 27 acertos. Dante fez 16 pontos.

Pelo grupo B, mesmo do Sada Cruzeiro, o Lokomotiv Novosibirsk da Rússia venceu o La Romana, da República Dominicana, por 3 sets a 0 (25/20, 25/23 e 25/17), em 1h22. O ponteiro cubano Camejo, que recentemente esteve no vôlei brasileiro, fez 12 pontos, mas os seus companheiros de clube, o ponteiro Lukas Divis e o oposto Pavel Moroz empataram como maiores pontuadores do jogo, cada um marcou 13 vezes.

O mundial acontece pela segunda vez no Brasil, a primeira em Minas Gerais. Em 1991 São Paulo foi o palco do campeonato. Nas últimas quatro edições Doha, no Qatar foi a sede do evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário