sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Superliga: Praia Clube mostra entrosamento e supera o rival mineiro



Em casa, diante da torcida e do ginásio reformado, o Praia Clube de Uberlândia superou o Minas por 3x0, com parciais de 21/15, 21/17 e 21/17. O time do interior de Minas Gerais mostrou bastante entrosamento, principalmente das levantadoras, tanto Camila quanto Juliana, com a central Mayhara.

O que pôde se perceber é que o time do Praia tem uma linha de passe eficiente e, consequentemente, um sistema defensivo que cansa o atacante adversário. O volume de jogo parece dar gás às praianas, que também foram muito bem no ataque. As gêmeas Monique e Michelle se apresentaram muito bem e, certamente, trarão muita dor de cabeça a Spencer Lee quando Herrera e Mari estiverem prontas para atuar.

Do lado do Minas Tenis Clube, uma formação estranha no início do jogo surpreendeu. A contratação americana, a oposta/ponteira Alaina Bergsma, foi escalada como central e, às vezes, atacava a bola na saída. Como o passe não estava regular, pouco se viu da atuação das centrais, que não tinham chance de atacar. A líbero Arlene, sempre muito segura, fez uma boa partida, com belas defesas. No terceiro set, finalmente, Alaina Bergsma foi para saída de rede, onde teve um bom aproveitamento de ataque. Quiroga, o técnico do clube, agora tem que ajustar o time e pensar numa estratégia usar o melhor de cada jogadora. Fato é que não se pode abrir mão de uma oposta eficiente, o que parece ser o caso da Americana, e colocá-la como central se o time não é eficiente no passe e as jogadoras mais baixas ficam pressionadas no ataque nas extremidades quando o passe para o levantamento é "B", situação predominante no jogo de hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário