terça-feira, 22 de outubro de 2013

Superliga: Sesi vence Voltaço em casa e segue invicto


O Sesi-SP alcançou a quarta vitória na Superliga masculina de vôlei. Após garantir vaga na final do Paulista, a equipe de Lucarelli voltou a pensar no Nacional, e nesta terça-feira (22), recebeu o Volta Redonda Vôlei. Os rivais foram duros, mas não resistiram e perderam por 3 sets a 1 (21/18, 19/21, 21/19 e 21/16).

Com este resultado, o time de Marcos Pacheco foi a 11 pontos na tabela e se manteve entre os quatro primeiro colocados. Já o Voltaço teve de se conformar com o quinto resultado negativo na competição e mais uma rodada sem marcar pontos. E é bom o Sesi não se esbaldar na comemoração, já que quinta-feira (24) volta à quadra para enfrentar o Kappesberg/Canoas em São Paulo. Por sua vez, os fluminenses têm até o dia 2 do próximo mês para se recuperar. Neste dia, eles enfrentam o RJX, no Rio de Janeiro.

O Sesi largou na frente a disputa. Embora o Volta Redonda tenha complicado com o melhor aproveitamento no saque, os paulistas conseguiram se impor devido ao ataque mais contundente. E foi Renan e Lucarelli que comandaram neste fundamento, com três pontos cada um no primeiro set. O bloqueio dos vermelhos também apareceu melhor e, com três pontos, foi fundamental para a vitória por 21 a 18.

Na segunda etapa, Ary entrou no lugar de Mannius e logo mostrou o que foi fazer em quadra. Sem perder a viagem, ele deixou cinco pontos na parcial. Mas de nada adiantou a boa entrada do ponteiro, pois o Voltaço se apoiou em Canuto para vencer o set. Após estarem perdendo por 14 a 11, os fluminenses reagiram e, além da boa jornada ofensiva, contaram com o bloqueio e o saque mais eficientes para virarem para 21 a 19.

O terceiro set foi igualmente equilibrado, com as duas equipes revezando no placar. Sandro cedeu lugar para Thiaguinho na equipe do Sesi. Mas quem brilhou mesmo foi Lucarelli, que apareceu bem no ataque e no bloqueio para ajudar o time da casa a virar de 11 a 13 para 21 a 19 e ficar à frente novamente na disputa.

A última parcial foi mais tranquila para os paulistas, que assumiram a ponta do placar rapidamente. Com bom volume de jogo e sem cometer muitos erros, os meninos de Pacheco ganhou gordura até o final da parcial. E isso foi essencial, pois na reta final, o Volta Redonda cresceu de rendimento e marcou cinco pontos seguidos, que poderiam ter complicado a vida do Sesi. Mas, o tempo solicitado pelo treinador recolocou ordem na casa e Sidão tratou de fechar em 21 a 16. 

fonte: saqueviagem.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário