terça-feira, 26 de novembro de 2013

Campeonato Paulista: Em dia inspirado de Sheilla e com muito volume de jogo, Osasco vence o Pinheiros


Osasco, em casa, vence o Pinheiros por 3x0, com parciais de 21/16, 21/17 e 21/19 e larga na frente na disputa de seminfinais do campeonato paulista.

O jogo, que prometia ser disputado, apesar dos 3x0, demonstrou equilíbrio de duas das maiores forças do vôlei no Brasil (Sim! O Pinheiros é uma força do vôlei brasileiro. Só olhar os últimos resultados e como elas desbancaram times repletos de estrelas internacionais).

Com exceção do segundo set, que o Pinheiros abriu no placar uma diferença razoável, o os sets se configuraram com o Osasco abrindo e, no final do set, o Pinheiros encostando no marcador, mas não o suficiente para ganhar a parcial.

O que se pôde perceber, assim como Sheilla falou no final da partida em entrevista ao Sportv, é que o time do Osasco está inteiro e muito bem fisicamente, mesmo com a recente chegada das jogadoras que defenderam o time campeão do Brasil na Copa dos Campeões. Fabíola, hoje, deu show no fundo de quadra. Tanto defendendo largadas quando ataques pesadíssimos vindos da oposta Andréia, do time do Pinheiros, a levantadora osasquense possibilitou a armação de contra-ataques e, por mais que o Pinheiros estivesse bem na partida, Osasco sempre "biliscava" um pontinho de contra-ataque aqui, outro ali. Sheilla foi o nome do jogo, sendo efetiva demais, inclusive, atrás da linha dos três metros, o que demonstra a confiança que o time tem nela.

O Pinheiros, como já foi dito, jogou bem. Elen crescia à medida que o set se aproximava do final, mas as duas "baixas" que o time sofreu (uma das centrais titulares e a líbero) fizeram com que o Pinheiros não se comportasse tão bem na recepção, o que desestabilizava o levantamento: hoje, as levantadoras se alternaram nos sets. Ananda começou de titular, mas Macris entrou (e muito bem, fazendo vários pontos com largadas de segunda) e, no terceiro set, ficou até o fim.

As equipes voltam a medir forças nessa quarta-feira, às 18h, na casa do Pinheiros. Caso vença, o Osasco está classificado para a final. Se o contrário acontecer, há a disputa do Golden Set: quem ganhar esse set vai à Final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário