terça-feira, 12 de novembro de 2013

Copa dos Campeões: O que esperar da competição?




 Logo mais, começa a Copa dos Campeões, competição de "luxo" que reúne o alto nível do vôlei mundial: os campeões continentais.

O Brasil, assim como outro favorito - a Rússia, tem desfalques importantes. Gabi, Dani Lins, Thaísa e Juciely não farão parte do grupo que viajou ao Japão por causa de lesões. Gamova já não serve à seleção Russa. Goncharova e Kosheleva pediram dispensa por sentirem dores. Sokolova, que tinha saído da seleção desde o épico jogo decidido no tie-break contra o Brasil em Londres 2012, retorna e deve ser o ponto de equilíbrio do time.

O renovado time dos Estados Unidos, que não foi bem no Grand Prix, tem sempre um time perigoso, que joga com muita velocidade.

O Japão é um time muito eficiente. O bloqueio, que sempre foi um defeito do time (principalmente por causa da altura), evoluiu, assim como a força física das jogadoras, como o caso de Ebata, que pega quente na bola.

A República Dominicana se classificou com o Wild-Card (convite da Fivb), tem jogadoras que atacam muito forte, como o caso de De la Cruz, mas é um time que ainda caminha para ser potência. O volume do jogo fica a cargo da brilhante, e às vezes onipresente, líbero Brenda Castillo, que é um fenômeno, apesar da pouca idade.

O time que pode ser uma "zebra" no campeonato é o da Tailândia. Atuais campeãs asiáticas, desbancando Japão, China e Korea, o time da Tailândia ganha espaço no cenário mundial, e com mérito total. O time, que não tem jogadoras muito altas, abusa da velocidade e o entrosamento da levantadora com as atacantes é muito preciso. As atacantes são muito conscientes, sabem jogar contra bloqueios altos e formam uma equipe muito técnica e aplicadas taticamente. Fiquem de olho nesse time, que promete dar muito trabalho às potências.

O primeiro jogo, Tailândia e República Dominicana, começa agora, a 1:00h da manhã. O Brasil enfrenta os USA às 4:40h. O Sportv transmite os jogos.

Um comentário:

  1. Jogão do Brasil, sempre potencia no Volei, orgulho nacional

    ResponderExcluir