quinta-feira, 14 de novembro de 2013

World Grand Champions Cup: Equipe chega ao Japão e inicia última fase de preparação antes da competição


Depois de quatro dias de treinos em Istambul, na Turquia, a seleção brasileira masculina de vôlei chegou ao Japão na noite desta QUARTA-FEIRA (13.11) e, nesta QUINTA (14.11) pela manhã, já fez o primeiro trabalho no centro de treinamento do time japonês, Panasonic Panthers. O local onde o Brasil faz a preparação final para a Copa dos Campeões, que será de 19 a 24 deste mês, fica em Hirakata, na província de Osaka.
O primeiro treino no Japão foi forte e contou com a volta do oposto Wallace. O jogador está praticamente recuperado da dor nas costas, que o afastou dos treinamentos dos últimos dias, em Istambul.
“Eu tive uma dor forte na lombar e isso geralmente acontece depois de viagens longas. Quando vim ao Japão para a Copa do Mundo, em 2011, também senti. Essa é uma viagem muito desgastante e deu uma travada. Mas agora já estou bem melhor. Voltei a treinar hoje, ainda devagar, mas já estou 90% recuperado”, afirmou Wallace.
O fisioterapeuta, Guilherme Tenius, o Fiapo, explicou melhor o que aconteceu com o jogador. “O Wallace não teve nada demais. Não foi uma lesão, por exemplo. Ele apenas fez uma contratura lombar por conta do vôo. Chegou a treinar no primeiro dia, mas já com um incomodo, e achamos melhor não forçar. A partir daí ele fez repouso, fisioterapia diariamente e melhorou gradativamente. Ele já poderia ter feito alguma coisa no último dia na Turquia, mas achamos melhor segurar para ele chegar bem aqui no Japão. E foi o que aconteceu. Hoje ele acordou bem melhor, treinou um pouco de manhã, vai treinar um pouco a mais à tarde para ver se amanhã já está totalmente liberado”, detalhou Fiapo.
O oposto está animado e acredita que em breve estará pronto para voltar a fazer todo o treinamento e ajudar a equipe brasileira. “Hoje fiz a parte de defesa e os reforços para lombar e me senti bem. Acredito que até amanhã já vou estar 100%. Isso é importante, pois sabemos que temos um campeonato muito difícil pela frente e é bom que todos estejam no seu máximo”, opinou Wallace.
Mesmo há mais tempo na seleção, e com o entrosamento mais afinado com os companheiros, o jogador garante que não há posição garantida e faz questão de elogiar Evandro, outro oposto do Brasil.
“Independentemente de estar há mais tempo, o Evandro está muito bem e acho que qualquer um dos dois que estiver dentro de quadra vai fazer bem o seu papel. Eu estou sempre preparado para jogar e, se não for o caso, vou tentar ajudar do banco e dar o meu melhor sempre para o grupo. Inclusive, um dos pontos positivos do nosso time é que temos algumas novidades, como o próprio Evandro, e o Raphael (levantador). Isso pode complicar para as marcações dos adversários”, explicou Wallace.
Apesar de não ter participado de todos os treinos em Istambul, o oposto esteve presente e viu de perto o bom aproveitamento do grupo. “Esses últimos dias de treino foram excelentes. O pessoal demonstrou uma vontade tremenda e, ainda com mais esse período que teremos aqui no Panasonic, temos tudo para conseguir um bom resultado na Copa dos Campeões”, concluiu Wallace.
A seleção brasileira fica até o próximo DOMINGO (17.11) no centro de treinamento do Panasonic Panthers. A estreia da equipe verde e amarela será na TERÇA (19.11), às 5h10 (Horário de Brasília), contra o Irã. O SporTV transmitirá a partida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário