quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Superliga: Vôlei Amil vence a Unilever no Rio de Janeiro


O Vôlei Amil (SP) esteve no Rio de Janeiro (RJ) e, nesta terça-feira (17.12), levou a melhor sobre a Unilever (RJ) por 3 sets a 2 (21/18, 14/21, 18/21, 21/15 e 15/9), em 2h26, no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ). A equipe dirigida pelo técnico da seleção brasileira feminina, José Roberto Guimarães, contou com atuações de destaque de Tandara, maior pontuadora, com 24 acertos, e Natália, que recebeu o Troféu VivaVôlei, de melhor jogadora da partida. Com o resultado, a Unilever passa a 27 pontos e se mantém na segunda colocação. O mesmo acontece com o Vôlei Amil, que soma 26, e também permanece em terceiro.

O experiente treinador analisou o crescimento da equipe do Vôlei Amil.

- O importante hoje foi a evolução do nosso sistema defensivo. Também conseguimos igualar os pontos de bloqueios deles e a nossa defesa foi bem. Ainda cometemos alguns erros mas o grupo jogou mais solto em quadra e o passe também foi melhor - disse José Roberto Guimarães.

Natália também destaca o valor do resultado conquistado nesta terça-feira.

- Hoje foi uma vitória importante. Ainda estou jogando em torno de 60% do que posso dar para o grupo, mas a equipe tem me ajudado muito. Hoje valeu pela vitória e precisamos ir evoluindo cada vez mais para chegarmos na melhor colocação possível na classificação geral - disse Natália.

Pela Unilever, a levantadora Fofão falou sobre a importância de aprender com o resultado negativo.

- Acho que em alguns momentos faltou o grupo acreditar um pouco mais que poderia vencer. Eu, particularmente, joguei abaixo do normal e isso atrapalhou um pouco o rendimento do time. De qualquer forma, temos que encarar o que pode vir de positivo e derrotas sempre ensinam e fazem com que a gente trabalhe cada vez mais. E é isso que vamos fazer - garantiu Fofão.

As duas equipes voltam à quadra na sexta-feira (20.12). A Unilever receberá o Barueri às 19h, no ginásio do Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ). Já o Vôlei Amil enfrentará a Uniara/AFAV, às 20h, no Gigantão, em Araraquara (SP).

O JOGO
O Vôlei Amil abriu o jogo, mas, com erro de saque, deu ponto para o adversário. A equipe de Campinas (SP) passou a frente e, no bloqueio, o time carioca fez 4/2. A parcial seguiu equilibrada e, com Natália, o Vôlei Amil empatou em 5/5. Depois de uma bola bastante disputada, a canadense Sara deu uma largadinha e a Unilever fez 8/7. Quando a equipe da casa fez 11/8, o técnico do Vôlei Amil, José Roberto Guimarães, pediu tempo. Com ponto de bloqueio de Carol Gattaz, o Vôlei Amil fez 14/12 e foi a vez do treinador da Unilever, Bernardinho, parar o jogo. Mantendo o equilíbrio, o time visitante empatou mais uma vez: 17/17. E, com três pontos diretos de saque de Tandara, o Vôlei Amil fechou em 21/18.

Depois de um longo rally, a Unilever fez o primeiro ponto do segundo set. Com uma boa sequência de saques da levantadora Fofão, a equipe da casa abriu três (5/2). Na primeira parada técnica, o time do Rio de Janeiro tinha quatro de vantagem (7/3). A ponteira Natália conseguiu um bom bloqueio e o Vôlei Amil encostou (7/6). Quando o jogo o set estava empatado (7/7), a central Carol teve boa sequência de saques e a diferença subiu para cinco (12/7). José Roberto Guimarães colocou Jú Nogueira e Pri Heldes e a substituição fez bem a equipe campineira, que encostou (14/12). No entanto, a Unilever voltou a dominar as ações do jogo na final da parcial e venceu o segundo set por 21/14.

A Unilever abriu o placar da terceira parcial e fez 3/1. Mas o Vôlei Amil não permitiu que o time da casa deslanchasse e empatou em 4/4. A equipe de Campinas seguiu na frente e fez 7/5. Com a ponteira Natália pontuando bem, o time visitante abriu quatro de vantagem: 11/7. A Unilever encostou em 12/13. Tandara teve mais uma vez bom aproveitamento no saque e o Vôlei Amil fez 16/13. Nesse momento, Bernardinho pediu tempo. No erro do adversário, a equipe da casa chegou ao empate: 16/16. A parcial seguiu extremamente equilibrada (18/18) e, no bloqueio de Juciely, a Unilever fez 19/18. No final, melhor para o time da casa: 21/18.

O Vôlei Amil voltou para o quarto set disposto a levar o jogo para o tie-break e fez 4/0. Na primeira parada técnica, a vantagem da equipe visitante era de cinco (7/2). Com três pontos seguidos da oposto Sarah Pavan, a Unilever encostou (7/5). A atacante Tandara conseguiu um ace e a diferença no placar voltou a subir para o grupo campineiro (10/5). Kristin conseguiu um ponto de contra-ataque, e o Vôlei Amil abriu seis (14/8). O time de Campinas segurou a vantagem até o final e venceu o quarto set por 21/14.

O Vôlei Amil abriu o tie-brerak com bom saque e pontuou. A Unilever devolveu. Depois de mais um longo rally, o time visitante bloqueou e fez 2/1. O Vôlei Amil ainda fez 4/1. Com bom saque da central Walewska, o time paulista abriu quatro: 6/2. Na virada de quadra, o time comandado por José Roberto Guimarães vencia por 8/3. O Vôlei Amil dominava o set e, no ace de Tandara, fez 10/5 e levou Bernardinho a pedir tempo. Mas o time de Campinas seguiu superior e fechou em 15/9.
EQUIPES
UNILEVER – Fofão, Sarah, Juciely, Carol, Gabi e Mihajlovic. Líbero – Fabi
Entraram – Amanda, Regis, Roberta e Bruna
Técnico: Bernardinho
VÔLEI AMIL – Claudinha, Richards, Carol Gattaz, Walewska, Tandara e Natália. Líbero – Michele
Entraram – Priscila, Ju Nogueira, Rosamaria e Stephany
Técnico: José Roberto Guimarães

Nenhum comentário:

Postar um comentário