quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Superliga: Vôlei Brasil Kirin derrota Kappesberg/Canoas e recupera 3° lugar na Superliga


Empurrado mais uma vez por sua torcida, o Vôlei Brasil Kirin conseguiu recuperar a terceira posição da Superliga Masculina de Vôlei. Com o Ginásio do Taquaral lotado, o time campineiro derrotou o Kappesberg/Canoas, por 3 a 1 (21/15; 14/21; 21/12 e 21/17), na noite desta terça-feira (07), pela terceira rodada do segundo turno e subiu na classificação.

Com o resultado, os comandados do técnico Alexandre Rivetti somaram três pontos e chegaram aos 29, ultrapassando o RJ Vôlei, que foi derrotado pelo Funvic/Taubaté, por 3 a 0, e permaneceu com 28. Já os gaúchos seguem com 21 pontos, brigando para permanecer entre os oito primeiros da tabela.

Nesta noite, o central Vini foi o vencedor do troféu Viva/Vôlei de melhor em quadra. O Vôlei Brasil Kirin volta às quadras contra o Moda/Maringá, no próximo sábado (11), às 18 horas, novamente no Ginásio do Taquaral, em Campinas.
- Jogamos bem, ainda mais na parte tática. Conseguimos seguir o plano de jogo, principalmente na marcação deles. Com isto, tocamos muitas bolas, rodamos contra-ataques e construímos essa vitória. A equipe mostrou força também para se recuperar após perder um set. Agora é aproveitar, pois no sábado teremos mais um jogo complicado - analisou o treinador Alexandre Rivetti.

O jogo 

Animado por jogar com casa cheia, o Vôlei Brasil Kirin não decepcionou a grande torcida e começou com tudo. Firmes no ataque, os campineiros logo saltaram na frente após dois bloqueios seguidos e fecharam a primeira parcial com quatro pontos de vantagem (7 a 3). O levantador Paulo Renan colocou todo mundo para jogar e os donos da casa foram construindo a vitória. Mineiro e Rivaldo foram precisos, combinando para dez pontos e os mandantes saíram na frente, após ataque preciso do camisa 10. 

No segundo set, os visitantes cresceram no jogo. Sem conseguir atacar com a mesma qualidade, os campineiros estiveram longe de sua melhor apresentação e o Canoas igualou o marcador.
Na terceira parcial, o Vôlei Brasil Kirin colocou a cabeça no lugar e voltou com tudo. Desde o começo, a equipe tomou a iniciativa e logo recuperou o controle do placar. Com o sistema defensivo afiado, os donos da casa seguiram em cima. Mineiro e Vini continuaram a botar pressão no saque e os comandados de Alexandre Rivetti voltaram a ficar na frente em contra-ataque de Rivaldo.
 A quarta parcial foi a mais equilibrada, mesmo assim os campineiros largaram na frente. Mantendo a consistência no ataque, os donos da casa logo abriram três pontos de vantagem (8 a 5) e foram administrando. Os visitantes, no entanto, foram diminuindo e conseguiram empatar (16 a 16). Apesar da situação adversa, Rivaldo e Gustavão encaixaram dois bloqueios seguidos, recuperando a frente do placar para o Vôlei Brasil Kirin. No final, os donos da casa aproveitaram mais um contra-ataque e confirmaram a vitória. 

Vôlei Brasil Kirin
Paulo Renan, Rivaldo, Mineiro, Diogo, Vini, Gustavão e Alan (líbero). Técnico – Alexandre Rivetti.
Entraram: André Heller

Kappesberg/Canoas
Dennis, Murilo Radke, Gustavo, Thiago Salsa, Temponi, Minuzzi e Jeffe (líbero). Técnico – Marcelo Ramos 
Entraram: Rafa, Bosko, Enrico

Nenhum comentário:

Postar um comentário