segunda-feira, 27 de abril de 2015

Superliga: Dani Lins diz: "Faltou tudo"


O MOLICO/Nestlé fez uma grande Superliga. Suas jogadoras e comissão técnica honraram a camisa do primeiro ao último jogo. E justamente na partida final, apesar de toda a luta, não deu. Na manhã deste domingo (26), na Arena da Barra, no Rio de Janeiro, a equipe de Osasco foi superada pelo Rexona-Ades por 3 sets a 0, parciais de 25/21, 25/23 e 25/19, em 1h32min, que conquistou o título nacional. Adenízia foi a maior pontuadora da equipe de Osasco, com 12 acertos. Natália foi a mais eficiente em quadra, com 16 e a levantadora Fofão ganhou o VivaVôlei como a melhor da final, acompanhada por um público de mais de 14 mil pessoas.

Camila Brait, eleita a melhor do campeonato na recepção e segunda em defesa, fez uma avaliação da partida. "Desperdiçamos muitas bolas de graça e cometemos erros bobos. O time entrou afobado e querendo pontuar de qualquer maneira. No segundo set melhoramos, mas deixamos escapar novamente. Iniciamos bem a terceira parcial, construímos uma vantagem, porém, novamente vacilamos e elas viraram a partida", analisou a defensora.

Para Dani Lins, o time falhou nos começos dos sets. "Faltou tudo. Não conseguimos fazer nosso jogo. O melhor que fizemos foi o saque e nos ajudou a abrir vantagem. Não fomos eficientes na virada de bola e o sistema defensivo também não funcionou. Elas jogaram para serem campeãs e a gente demorou para entrar no jogo. Os placares foram justos, mas começamos mal e depois quando tentamos reagir não dava mais tempo", afirmou a levantadora.

O técnico Luizomar não conseguiu esconder a tristeza pela resultado, mas enalteceu o espírito de luta de sua equipe ao longo da Superliga. "Nós tivemos problemas, conseguimos nos ajustar a tempo de lutar pelo título. Hoje, infelizmente, não fizemos uma boa partida e contra um time como o Rexona, que foi o mais regular da competição, não se pode desperdiçar nenhuma chance", disse o treinador, que completou: "A equipe continua trabalhando. É um time que envolve a cidade, e a gente fica frustrado, pois queria dar essa alegria aos torcedores. A Nestlé é um grande patrocinador e marca mais uma vez sua história no esporte com esta final."

Nenhum comentário:

Postar um comentário