sexta-feira, 24 de abril de 2015

Superliga: Personagens da final, Bernardinho e Luizomar de moura demonstram confiança


Os treinadores Bernardinho, do Rexona-Ades (RJ), e Luizomar de Moura, do Molico/Nestlé (SP), são personagens marcantes na história de uma das maiores rivalidades do voleibol brasileiro. O técnico da equipe carioca tem no currículo nove títulos pelo time do Rio de Janeiro. Já o treinador de Osasco esteve à frente da equipe paulista em duas conquistas. Neste domingo (26.04), mais um capítulo dessa rivalidade será escrito, a partir das 10h15, na Arena da Barra, no Rio de Janeiro (RJ). A TV Globo, a Rede TV e o SporTV transmitirão ao vivo.

Depois de tantas finais entre as equipes, mesmo que mudem os elencos, Bernardinho sabe que não há muitas novidades a serem apresentadas neste momento.

“A grande surpresa não acontece neste momento. As duas equipes buscam consistência e regularidade. Acho que isso é o mais importante. Contra o Molico/Nestlé, o saque e o passe são pontos fundamentais. Se não passarmos bem contra o bloqueio da altura e competência do time delas, vai ser muito complicado ter êxito. E o saque precisa entrar bem para que possamos tirar um pouco a bola da mão da Dani Lins”, disse Bernardinho.

O treinador do Rexona-Ades ainda destacou o bom desempenho da levantadora do time adversário, que já esteve sob seu comando na equipe carioca.

“Embora a Fofão, historicamente, seja a maior levantadora, a Dani Lins é, hoje, a melhor do Brasil. É mais jovem, titular na seleção brasileira e deu ao Osasco uma condição de chegada incrível”, elogiou Bernardinho.

No Molico/Nestlé, o treinador Luizomar de Moura lembrou da importância histórica do confronto entre as equipes.

“Essa é uma final muito esperada. A mídia costuma apontar esses dois times como favoritos e a reponsabilidade é grande. É um prazer estar nessa final, cada decisão tem sua história e espero que possamos fazer um grande jogo nesse domingo”, afirmou Luizomar de Moura.

O técnico Luizomar de Moura também chamou a atenção para o fato da decisão ser disputada em uma das sedes dos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016.

“É muito bom disputar essa final na Arena da Barra, um lugar que faz parte do Parque Olímpico. A oportunidade de ver o andamento das obras motiva ainda mais a nossa equipe. Algumas meninas nesse grupo vão disputar os Jogos Olímpicos e esse primeiro contato é muito importante. O treino de hoje foi importante para nos adaptarmos a dimensão e a iluminação do ginásio”, finalizou Luizomar de Moura.

As duas equipes farão mais um dia de treinamentos na Arena da Barra neste sábado, véspera da grande decisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário